Olá Amigos(as),visitem minha página no Facebook e confira as Novidades!!!!!

terça-feira, 7 de maio de 2013

O orçamento dos pets!

Animais de estimação custam, em média, um terço do salário mínimo. Econômicos ou gastadores, os donos precisam zelar pelo bem-estar da mascote
 (Janine Moraes/CB/D.A Press)
Não é novidade que os pets se tornaram membros da família. Cuidar deles inclui visitas ao veterinário e também a petshops: os gastos são inevitáveis. Divulgada em março passado, uma pesquisa da empresa de monitoramento de consumo Hibou revelou que, entre as classes A e B na região Sudeste, o gasto mensal com animais de estimação é, em média, de um terço do salário mínimo, cerca de R$ 225. O investimento é maior no primeiro ano de vida do bicho por conta das vacinas e dos acessórios, como casinha, caminha e brinquedos. Nos meses seguintes, alguns donos permanecem fazendo de tudo pelos pets, outros tentam economizar. “Gastar menos ou mais com o animal não significa que o dono o ame menos ou mais, são duas maneiras de tratar o pet”, analisa Ligia Mello, idealizadora da pesquisa.

“Ela gasta no mínimo R$ 250 por mês com essa cachorrinha, nunca vi tanto amor”, comenta o empresário Ubirajara Santana, marido de Maria Luiza Lima. Servidora pública aposentada, Luiza encontrou na lhasa apso Soffy um motivo para se alegrar. De penteado rosa na cabeça, a cadelinha anda sempre arrumada. “Soffy é o meu xodó, não me incomodo de gastar com ela se é para torná-la mais bonita e saudável”, afirma a dona. A cadela tem seis anos e roupas de bebê — peças compradas em loja de departamento de humanos. Ela também possui sapatos para evitar que suje as patas ao descer. Luiza é extremamente cuidadosa e faz questão de escovar os dentes da cachorra todos os dias. Além dos vários produtos de higiene pessoal, como perfumes e sabonetes, Soffy foi educada a fazer suas necessidades em um tapete. Toda vez que se comporta, a lhasa apso é presenteada com um bifinho (petisco dos cães). “Sempre que faz cocô, limpo Soffy com lencinhos”, comenta.

Um banho simples no petshop custa em média R$ 30, se o dono optar por tosa, já são mais R$ 10. Se for um pet vaidoso, como Soffy, que faz hidratação nos pelos, a visita pode sair por até R$ 50. Ainda existem as vacinas, as consultas ao veterinário e os vermífugos, que devem ser tomados três vezes ao ano. Antes de ter um animal de estimação, é preciso saber como os gastos para cuidar do pet vão influir no planejamento econômico da família “O custo de ração mensal deve estar na lista de compras. Para quem tem uma rotina de banhos, é mais tranquilo inserir na planilha mensal. Para os esporádicos, sugerimos computar dois banhos por mês como uma referência para gastos pontuais no pet”, comenta Ligia Mello.

Nenhum comentário:

Postar um comentário