Olá Amigos(as),visitem minha página no Facebook e confira as Novidades!!!!!

G-SUITE:Veja mais detalhes aqui!!!!!

G Suite




Olá.

Agradecemos a análise do G Suite.

Aqui estão três motivos para testar esse recurso:

  1. Você pode receber e-mails personalizados e muito mais com o Gmail for business.
  2. Ele ajuda os funcionários a cumprirem suas tarefas e colaborarem de forma mais rápida e eficiente.
  3. Milhões de pequenas e grandes empresas já mudaram para o G Suite.

Conheça aqui o G Suite!!!!

O que é o G Suite?

O G Suite é um pacote de produtividade baseado na nuvem que ajuda as equipes a se comunicar, colaborar e realizar tarefas em qualquer lugar e de qualquer dispositivo. Ele é fácil de configurar, usar e gerenciar. Assim, sua empresa pode se concentrar no que realmente importa.

Milhões de empresas em todo o mundo contam com o G Suite para aproveitar recursos como e-mail profissional, armazenamento de arquivos, reuniões por vídeo, agendas on-line, edição de documentos e muito mais.

Assista ao vídeo ou saiba mais aqui.

Veja alguns destaques:

E-mail empresarial para seu domínio

Parecer profissional conta muito e isso significa se comunicar como você@suaempresa.com. Os recursos simples e eficazes do Gmail ajudam você a desenvolver sua marca e realizar ainda mais tarefas.

Acesse em qualquer local ou dispositivo

Verifique seu e-mail, compartilhe arquivos, edite documentos, realize reuniões por vídeo e muito mais, estando no trabalho, em casa ou viajando. Você continua o trabalho de onde parou em um computador, tablet ou smartphone.

Ferramentas de gerenciamento de nível empresarial

As configurações de administrador robustas oferecem controle total sobre usuários, dispositivos, segurança e muito mais. Seus dados estão sempre com você e eles permanecem com você caso queira mudar de solução.

Inicie uma avaliação gratuita

Procurando Diversão??????????

               Procurando Diversão?????????



Então encontrou o melhor local,
e a rede social mais badalada do momento!!!!

Não acredita?????
Então confira você mesmo(a)!!!!!!

Acesse agora mesmo!!!!!!

>>>>> http://www.sccliberal.com.br/Convite.aspx?cvt=496157

Boa diversão e com certeza vão gostar demais!!!!


domingo, 3 de março de 2013

Iran discute recuros do royalties para a Educação

Vereador se reuniu com o deputado Laércio Oliveira
Vereadr Iran Barbosa (Foto: Arquivo Portal Infonet)
Com o intuito de colaborar com a discussão sobre a Medida Provisória 592, que destina os recursos dos royalties do petróleo para a educação, o vereador Iran Barbosa, PT, procurou o deputado federal Laércio Oliveira, PR, membro da Comissão Mista do Congresso Nacional que analisa o tema, para uma conversa inicial sobre a MP. O encontro aconteceu nesta sexta-feira, 01/3, no gabinete do deputado.
A MP 592 ainda está sendo discutida pela comissão e tem como relator o deputado Carlos Zarattini (PT-SP), que também foi o relator de projeto de lei, originário do Senado, sobre a distribuição dos royalties. Na véspera da votação, a pedido do governo ele incluiu no seu substitutivo a destinação de parte dos recursos dos royalties para a educação, mas seu projeto foi rejeitado e aprovado o texto do Senado. Como parte do projeto recebeu vetos, o governo editou uma MP destinando os recursos para a educação.
O ministro da Educação, Aloizio Mercadante, defendeu ontem (28), após visita ao presidente da Câmara, deputado Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), a aprovação da MP. Segundo Mercadante, a proposta original do governo é que 100 % dos royalties das futuras concessões e 50 % dos rendimentos do Fundo Social do pré-sal sejam integralmente destinados à educação nos municípios, estados e União.
Na opinião de Iran Barbosa, que recebeu das mãos do deputado uma cópia da MP, se o Brasil quiser dar um salto de qualidade como país que almeja o desenvolvimento econômico e social, precisa de muito mais investimentos em educação.
“Portanto, como educador, defendo a aprovação desta iniciativa do Executivo Federal e vim pedir o apoio do Deputado Laércio Oliveira, tendo em vista que ele é o único parlamentar sergipano que integra a Comissão que analisa a Medida Provisória. Estou convencido de que temos que ampliar os recursos destinados à educação para avançarmos como nação”, expôs o vereador e professor.
Deputada recebe de Iran projeto A Escola Democrática e Popular, produzido pelo SINTESEIran pediu detalhes de como estão se dando as discussões sobre a MP no âmbito da comissão, o que foi prontamente passado pelo parlamentar federal que ressaltou que a comissão só se reuniu uma vez e que a fase de apresentação de emendas já foi superada.
“Quis fazer parte da comissão porque envolvia debate sobre royalties e Sergipe é um Estado produtor de petróleo. Toda contribuição é bem-vinda para ajudar a aprofundar a questão, o que ajudará na produção do relatório final”, disse Laércio.
O deputado lembrou que há muito suspense em torno da votação da MP, pelo fato de que os vetos à Lei dos Royalties (Lei Nº 12.734/12) serão votados pelo Congresso já na terça-feira (5/3), e imediatamente em seguida, os parlamentares votarão o Orçamento de 2013 (PLN 24/12). Essa votação pode influenciar diretamente nos encaminhamentos da MP 592.
O parlamentar do PR mostrou entusiasmo por Iran tê-lo procurado para dialogar sobre o tema. “Agradeço a sua visita. É o primeiro que se interessa em vir aqui para debater e contribuir nessa discussão, o que me deixa muito feliz e estimulado.”, confidenciou.
Iran Barbosa propôs ao deputado federal, a depender do resultado da votação dos vetos presidenciais à Lei dos Royalties, uma nova reunião, que pudesse contar com a participação do professor Joel Almeida, que é dirigente da Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE).
“O professor Joel poderá ajudar muito no debate, até para trazer o acúmulo que vem sendo produzido pela CNTE sobre a questão da destinação dos royalties para a educação. Tenho certeza que podemos avançar muito na discussão”, destacou Iran.
A proposta foi acatada pelo parlamentar federal, que prometeu manter o vereador petista municiado das informações relativas às discussões em torno da MP 592 no âmbito da comissão.
“Se conseguirmos priorizar esses recursos dos royalties do petróleo do Pré-Sal para a educação, teremos um grande avanço neste país, com certeza”, reforçou Iran Barbosa.
O vereador petista aproveitou a oportunidade para entregar ao Deputado Federal o Projeto de Educação Pública lançado e publicado recentemente pelo Sintese, intitulado “A Escola Democrática e Popular – A educação que queremos”.
Fonte: Assessoria Parlamentar

Nenhum comentário:

Postar um comentário