Olá Amigos(as),visitem minha página no Facebook e confira as Novidades!!!!!

G-SUITE:Veja mais detalhes aqui!!!!!

G Suite




Olá.

Agradecemos a análise do G Suite.

Aqui estão três motivos para testar esse recurso:

  1. Você pode receber e-mails personalizados e muito mais com o Gmail for business.
  2. Ele ajuda os funcionários a cumprirem suas tarefas e colaborarem de forma mais rápida e eficiente.
  3. Milhões de pequenas e grandes empresas já mudaram para o G Suite.

Conheça aqui o G Suite!!!!

O que é o G Suite?

O G Suite é um pacote de produtividade baseado na nuvem que ajuda as equipes a se comunicar, colaborar e realizar tarefas em qualquer lugar e de qualquer dispositivo. Ele é fácil de configurar, usar e gerenciar. Assim, sua empresa pode se concentrar no que realmente importa.

Milhões de empresas em todo o mundo contam com o G Suite para aproveitar recursos como e-mail profissional, armazenamento de arquivos, reuniões por vídeo, agendas on-line, edição de documentos e muito mais.

Assista ao vídeo ou saiba mais aqui.

Veja alguns destaques:

E-mail empresarial para seu domínio

Parecer profissional conta muito e isso significa se comunicar como você@suaempresa.com. Os recursos simples e eficazes do Gmail ajudam você a desenvolver sua marca e realizar ainda mais tarefas.

Acesse em qualquer local ou dispositivo

Verifique seu e-mail, compartilhe arquivos, edite documentos, realize reuniões por vídeo e muito mais, estando no trabalho, em casa ou viajando. Você continua o trabalho de onde parou em um computador, tablet ou smartphone.

Ferramentas de gerenciamento de nível empresarial

As configurações de administrador robustas oferecem controle total sobre usuários, dispositivos, segurança e muito mais. Seus dados estão sempre com você e eles permanecem com você caso queira mudar de solução.

Inicie uma avaliação gratuita

Procurando Diversão??????????

               Procurando Diversão?????????



Então encontrou o melhor local,
e a rede social mais badalada do momento!!!!

Não acredita?????
Então confira você mesmo(a)!!!!!!

Acesse agora mesmo!!!!!!

>>>>> http://www.sccliberal.com.br/Convite.aspx?cvt=496157

Boa diversão e com certeza vão gostar demais!!!!


quinta-feira, 14 de março de 2013

Brasil tem a menor média de anos de estudos da América do Sul, diz Pnud!

Adulto estuda em média 7,2 anos; MEC contesta e diz que média é 7,4.
ONU divulgou dados do Índice de Desenvolvimento Humano nesta quinta.

 Sala de aula (Foto: Reprodução/RPC TV Londrina) 

Sala de aula (Foto: Reprodução/RPC TV Londrina)

 

A média de escolaridade no Brasil, um dos critérios educacionais que o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) leva em conta na elaboração do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH), é de 7,2 anos, segundo dados divulgados nesta quinta-feira (14) pelo órgão. Ela permaneceu estagnada no Brasil entre 2011 e 2013. O número é o menor, ao lado do Suriname, entre os países da América do Sul (veja tabela abaixo).
O Ministério da Educação contesta os dados do órgão da ONU. Em nota, diz que os dados da pesquisa são defasados e que o IBGE de 2011 revelou que a média de escolaridade no país é de 7,4 anos. Se fosse considerado este índice, o Brasil ficaria à frente de Colômbia e Suriname na América do Sul. A maior média de escolaridade do mundo é dos Estados Unidos: 13,3 anos. Segundo o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, o governo brasileiro vai pedir à ONU a revisão dos dados.
O estudo do Pnud mostrou também um aumentou o índice de anos de escolaridade esperados para o Brasil: em 2011, ela era de 13,8 e, agora, subiu para 14,2. A média de adultos alfabetizados no Brasil é de 90,3%, segundo o estudo, e quase a metade da população acima de 25 anos (49,5%) tem pelo menos o ensino médio. A evasão escolar no ensino fundamental no país, de acordo com o estudo, é de 24,3%.
O estudo destacou o aumento de investimento em educação e destaca ainda o programa de bolsa de estudos do Brasil e campanhas de alfabetização.
VEJA OS NÚMEROS DA EDUCAÇÃO NOS PAÍSES DA AMÉRICA DO SUL SEGUNDO O IDH
País Média
de anos de
escolaridade
Expectativa
de anos de
escolaridade
Adultos
alfabetizados
(acima de
15 anos)
População c/ ensino médio ou mais (*) Satisfação com a
qualidade do ensino
Evasão escolar
no ensino fundamental
Chile 9,7 14,7 98,6% 74,0% 44,0% 2,6%
Argentina 9,3 16,1 97,8% 56,0% 62,6% 6,2%
Bolívia 9,2 13,5 91,2% 44,5% 57,9% 5,9%
Peru 8,7 13,2 89,6% 52,9% 49,1% ---
Guiana 8,5 10,3 --- 55,6% --- 16,5%
Uruguai 8,5 15,5 98,1% 49,8% 55,8% 4,8%
Paraguai 7,7 12,1 93,9% 36,9% 66,9% 21,9%
Equador 7,6 13,7 91,9% 36,6% 74,5% 19,4%
Venezuela 7,6 14,4 95,5% 52,4% 81,2% 7,9%
Colômbia 7,3 13,6 93,4% 43,1% 71,7% 1,5%
Suriname 7,2 12,4 94,7% 43,7% --- 9,7%
BRASIL 7,2 14,2 90,3% 49,5% 53,7% 24,3%
(*) % entre as pessoas com 25 anos ou mais.
Obs.: estudo não traz dados da Guiana Francesa.
Fonte: Pnud/ONU
Daniela Costa Pinto, analista de desenvolvimento do Pnud, diz que o Brasil "tem um passivo histórico na educação, antes da década de 90 tínhamos um sistema educacional incipiente, que não atendia. O IDH tende a melhorar mais quando a população jovem virar a população adulta". Sobre a divergência de dados, ela afirma: "O objetivo do relatório é a comparação entre países. Os países têm base de dados diferentes, alguns mais atualizados que outros. Fazemos escolhas metodológicas difíceis para comparar países e dar um panorama do que acontece no mundo".
No IDH 2013, o Brasil caiu uma posição e ficou no 85º lugar em uma lista de 185 países. O índice brasileiro, porém, subiu de 0.718 para 0.730 e continua na categoria "desenvolvimento humano alto". O IDH é medido em uma escala de 0 a 1 e leva em conta dados sobre saúde, educação e qualidade de vida, incluindo renda. O país que lidera a lista é a Noruega, com IDH de 0.955.
ÍNDICE DE DESENVOLVIMENTO HUMANO (IDH 2013)
  PAÍS IDH 2011 IDH 2013
1) Noruega 0.943 0.955
2) Austrália 0.929 0.938
3) EUA 0.910 0.937
4) Países Baixos 0.910 0.921
5) Alemanha 0.905 0.920
38) Barbados* 0.793 0.825
85) Brasil 0.718 0.730
Fonte: Pnud/ONU
*País da América Latina mais bem colocado
MEC diz que dados estão defasados
A tabela do IDH indica que os dados educacionais dos países são referentes a 2010 (para a média de escolaridade) ou às informações mais recentes. Em nota, o Ministério da Educação afirmou que "os dados utilizados no cálculo são defasados para o Brasil e diferenciados entre os países" e "apresentam graves distorções devido aos dados utilizados" nos cálculos do governo.
No caso do Brasil, segundo o MEC, os dados sobre a média de anos de escolaridade são referentes a 2005, mas dados do IBGE 2011 citados pelo ministério mostram "um valor de 7,4 anos para a população de 25 anos ou mais".
Ainda de acordo com o comunicado, os dados usados pelo Pnud a respeito do anos de escolaridade esperados não levam em conta as crianças de 5 anos matriculadas na pré-escola, bem como das matriculadas nas classes de alfabetização. "Ou seja, são desconsiderados no cálculo cerca de 4,6 milhões de matrículas de crianças brasileiras", diz o MEC.
Pelos cálculos do governo, considerando esses números, "o valor correto de anos de escolaridade esperados para o Brasil seria de 16,7".
Dois importantes indicadores da dimensão educação, Média de Anos de Escolaridade e Anos de Escolaridade Esperados, apresentam graves distorções devido aos dados utilizados em seus cálculos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário