Olá Amigos(as),visitem minha página no Facebook e confira as Novidades!!!!!

quarta-feira, 7 de maio de 2014

Câmara russa classifica situação na Ucrânia como "genocídio"

Presidente da Câmara de Deputados (Duma) do país manifestou preocupação pelo "genocídio" na Ucrânia e disse que mundo está à beira de catástrofe

  

Pesados disparos podiam ser ouvidos quase continuamente e pareciam vir de mais perto do centro de Slavians

 

O presidente da Câmara dos Deputados da Rússia (Duma), Sergie Narishkin, manifestou nesta terça-feira que o mundo está "à beira da catástrofe" pelo "genocídio" que na sua opinião está sendo perpetrado na Ucrânia contra a população local.
"Nos encontramos à beira da catástrofe. Tenho que decepcionar os que pensam que isto ocorre longe deles. Ou são cegos, ou estão contagiados pela histeria anti-russa que está se transformando em uma propaganda pró-facista", disse o parlamentar russo, segundo recolheu a agência sérvia "Tanjug". Ele acrescentou que a Rússia está chocada com crimes em Odessa. 
Narishkin fez estas declarações em reunião científica sérvio-russa, realizada hoje em Belgrado e dedicada à Primeira Guerra Mundial.



Segundo o político russo, as autoridades interinas de Kiev, que considerou como "ilegais", estão realizando uma operação punitiva contra sua própria população no leste do país.
publicidade
"Com plena responsabilidade declaro que se trata de um verdadeiro genocídio contra o povo ucraniano e russo, e isso no século XXI", afirmou o presidente da Duma, em referência à recente morte de mais de 40 pessoas em um incêndio em Odessa.
O "pior", acrescentou, é que o mundo está olhando por alto o que "não deveria acontecer em uma Europa moderna que viveu os horrores do fascismo"
O presidente da Duma se encontra desde ontem em Belgrado, onde, entre outros atos, prestou homenagem às vítimas dos bombardeios da Otan contra a Sérvia (1999).

Nenhum comentário:

Postar um comentário