Olá Amigos(as),visitem minha página no Facebook e confira as Novidades!!!!!

sábado, 6 de abril de 2013

Porca de estimação de 200kg passeia de coleira e adora refrigerante

Dorminhoca, Rosinha tem o próprio cobertor e só gosta da bebida quente.
Animal de quatro anos chama atenção em passeio pelas ruas de Goiânia.

 

O autônomo Sandoval Ribeiro de Souza, morador do Setor Pedro Ludovico, região sul de Goiânia, tem um animal de estimação, no mínimo, inusitado. Com quatro anos de idade e pesando 200 kg, a porca Rosinha é o xodó da casa. O animal adora passear e tomar refrigerante. "Tem que ser quente. Gelado ela não gosta", diz o dono do bicho.
Sandoval diz que pegou Rosinha assim que ela nasceu, na cidade de Fazenda Nova, a 223 km da capital. "A mãe dela pariu e morreu. Meu primo disse que ela também iria morrer, mas eu falei: 'me dá ela que eu zelo'", recorda.
Quando a leitoa ainda tinha poucos dias de vida, o autônomo confessou que comprou uma mamadeira para dar leite a ela. Ele diz que na época, ficou com dó de vendê-la. "Ela foi crescendo e está aqui até hoje", afirma.
Rosinha costuma dormir boa parte do dia. Preguiçosa, a porca geralmente acorda às 11h para almoçar. Mas depois de um carinho e alguns biscoitinhos, Sandoval consegue acordá-la para um passeio de coleira pelo setor.
Durante a volta nas ruas do bairro, Rosinha chama atenção. Tem gente que até para tirar foto. "Primeira vez que vejo um animal deste tamanho", diz um vizinho.
Voltando para casa, Rosinha descansa mais um pouco. "O serviço dela é comer e dormir", diz o dono. Rosinha tem seu próprio cobertor e Sandoval faz questão de deixar o animal bem aconchegado.
"O amor é grande, é esquisito", declara o autônomo. Sobre a possibilidade de vender Rosinha, a resposta é clara: "Nossa senhora, de jeito nenhum. Vender para a pessoa matar, nunca".
Porca passeia de coleira e toma refrigerante em Goiânia, Goiás (Foto: Reprodução / TV Anhanguera)Porca toma refrigerante, mas não gosta da bebida gelada (Foto: Reprodução/TV Anhanguera)

Nenhum comentário:

Postar um comentário