Olá Amigos(as),visitem minha página no Facebook e confira as Novidades!!!!!

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2013

UFC Japão: Análise Wanderlei Silva X Brian Stann

Foto: Divulgação/UFC
Fala galera casca-grossa! Esse último UFC foi animal hein? Fiquei ainda mais feliz depois de perceber que a minha análise da luta do Lyoto foi bem na mosca. Não fiquem acostumados, pois com certeza mais cedo ou mais irei prever tudo errado. Afinal de contas a imprevisibilidade é o que torna o MMA tão bom. Agora vamos fazer a análise da luta principal do UFC Japão, Wanderlei Silva x Brian Stann, espero que minhas dicas sejam úteis na hora de montar sua estratégia no game Versus MMA.
Se por um lado a análise anterior foi ultra-mega-giga difícil de prever um vencedor, essa já não é tão difícil assim. Na minha opinião Brian Stann vai levar a melhor. Não atirem tomates em mim, Wand é o meu lutador favorito desde de 2005, mas tá difícil para o brazuca.
Podemos começar pelo fato de que o cachorro louco só ganhou 3 das suas últimas 10 lutas. Suas últimas vitórias foram em cima do Keith Jardine (Demitido do UFC depois de 4 derrotas seguidas), Michael Bisping (Lutador mediano que nunca ganhou de um TOP) e Cung Le (Lutador de 40 anos que na época da luta contra Wand fazia sua estreia no UFC). Sad but true.
O americano é o favorito nas bolsas de aposta. Já ouvi por ai que ele tem 75% de chance vencer. Exagero. O cartel recente do fuzileiro naval é bom, mas não é nada de extraordinário. Ao meu ver o seu maior feito foi vencer Chris Leben (Aqui entre nós…não é um feito tão grande assim). O Stann tem dois pontos que são fortes ao seu favor: o primeiro é o cardio superior e o outro é a combinação de golpes em linha/circulares.
Na combinação de estilos Stann leva a melhor. Wand é conhecido pelos seus cruzados mortais (demasiadamente abertos) e seu Muay Thai clinch brutal. Qual é a melhor resposta para um cruzado aberto? Isso mesmo…golpes em linha. Brian Stann soca em linha muito bem. Não só isso, ele tem um cruzado mais preciso e fechado do que o Wandeco, as joelhadas a partir do clinch derrubaram sakara e o seu ground ´n pound é bastante efetivo.
A verdade é que são dois strikers que buscam o nocaute. Enquanto Wanderlei muitas vezes vai para o tudo ou nada logo no começo, Stann é mais cuidadoso, porém não menos fatal. Com o passar dos rounds vai ficar mais difícil para o brasileiro que não é tão atlético como o seu oponente. Wanderlei só vence se entrar um golpe bem contundente e ele conseguir capitalizar nessa oportunidade, enquanto Brian Stann tem um arsenal mais diversificado. Sendo assim a minha definição de estratégia no Versus MMA é a seguinte: Brian Stann, RD 3, KO e todas as estrelas em Striking. Não creio em tentativas de queda, mas se alguém tentar, provavelmente será o Stann.
Antes de terminar é necessário lembrar de dois pontos importantíssimos:  Wand vai lutar em “casa”. Foi no Japão que o cachorro louco fez história no MMA e se consagrou um dos melhores lutadores do mundo no torneio do Pride FC. Ter a energia da torcida japonesa vai dar uma força extra. A outra coisa é que essa luta vai marcar a subida dos dois atletas para a categoria dos meio-pesados. Ou seja, com 93 Kg Wandeco só precisa de um golpe certeiro para definir o combate. A lógica diz que Stann ganha, mas estou rezando para que a lógica esteja errada. Até a próxima jogadores do Versus MMA.
por Ernani Rocha em colaboração ao MMA Space
Foto: Divulgação/UFC
*As opiniões do autor não refletem necessariamente as do MMA Space e o mesmo responde por suas próprias objeções.

Nenhum comentário:

Postar um comentário