Olá Amigos(as),visitem minha página no Facebook e confira as Novidades!!!!!

quinta-feira, 12 de junho de 2014

Os 10 carros mais econômicos do Brasil em 2014

Novo Ka, que chega ao mercado no 2 º semestre, estreia bem, mas Renault Clio segue como o modelo que menos consome combustível

 

Durante a pré-apresentação do novo Ka, a Ford prometeu um consumo ‘entre os melhores’ do mercado e marca não mentiu. Nesta sexta-feira, 06, a empresa divulgou os dados obtidos pelo Inmetro, no programa de etiquetagem veicular. E o Ka conseguiu médias muito boas graças ao novo motor 1.0 de 3 cilindros que começou a ser fabricado na Bahia nas últimas semanas.

O novo compacto, cuja estreia está marcada para logo depois da Copa, conseguiu rodar 8,9 km na cidade 10,4 na estrada utilizando apenas etanol. Com gasolina, o modelo foi mais longe: 13 km na cidade e 15,1 km na estrada.

A média, excelente, no entanto, não foi suficiente para superar o Clio, da Renault. O velho compacto, que está no mercado desde 1999, ainda sobra nesse sentido – na estrada chega a rodar 15,7 km com apenas um litro de gasolina. Mas o Ka conseguiu bater seu rival direto, o up!, da Volkswagen, que, como ele, também utiliza um avançado motor de 3 cilindros.
De três ou quatro cilindros, motores 1.0 dominam lista dos 10 carros mais econômicos do Brasil

O fato é que, embora o Clio seja o ‘rei do posto de combustível’, tanto o up! quanto o Ka fazem mais com esse combustível. O VW é comprovadamente mais veloz e ágil que o carro da Renault e isso se reflete numa eficiência maior, na prática.

O 3º colocado entre os 10 mais econômicos do Brasil (veja abaixo a tabela) é o Nissan MArch, mas não o novo, que estreou nos últimos dias e sim o antigo, produzido no México, que é mais simples e leve. Na média projetada usando os números do Inmetro, o carrinho mexicano foi levemente mais econômico que o carro da Volks, ficando pouco abaixo do Ka – 11,6 km/l contra 11,7 km/l, obtida com uma divisão meio a meio das médias com gasolina e etanol.

Economia de um lanche

Mas o que representa, na prática, um veículo que roda 1,5 km a mais com um litro de combustível? O dono de um Clio que tenha uma média mensal de 2 mil km rodados terá economizado 21 litros comparado ao proprietário de um Kia Picanto, o 10º colocado da lista. Ou, então, 11 litros, no caso do Ka. Nesse cenário, o Renault teria proporcionado R$ 47 de economia num mês frente ao Kia e R$ 25 comparado ao Ford, valores um tanto modestos para decidir uma compra apenas por esse aspecto. Mapa das montadoras no Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário