Olá Amigos(as),visitem minha página no Facebook e confira as Novidades!!!!!

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Pais de garoto paquistanês denunciam bullying em escola japonesa

Seu filho foi vítima de ataques racistas, garantem

Pais de garoto paquistanês denunciam bullying em escola japonesa 

 Casal garante que seu filho não foi somente perseguido como também gravemente ferido por quatro de seus colegas de escola 

 

Os pais de um menino paquistanês de 13 anos, estudante de uma escola secundária na cidade de Takamatsu (Kagawa), registraram uma denúncia à polícia na qual acusam os colegas de classe de seu filho de praticar bullying contra ele, informou o Mainichi Shimbun.
O casal garante que seu filho não foi somente perseguido como também gravemente ferido por quatro de seus colegas de escola. Os pais solicitaram ao conselho de educação de Takamatsu que investigue o caso e tome medidas para impedir que o bullying se repita. Além disso, sustentam que seu filho é vítima de racismo.
De acordo com a versão dos pais da vítima, o garoto recebia insutlos constantes pela cor de sua pele desde que ingressou na escola em abril do ano passado. Os agressores disseram ao menino paquistanês de 13 anos que sua pela era “suja” e que deveria voltar ao seu país.
As agressões não eram apenas verbais. Em novembro do ano passado, um de seus agressores aplicou-lhe uma rasteira enquanto passava por um corredor causando ferimentos que o fizeram andar de muletas. O pai reclamou que apesar de ter reclamado para a direção da escola, suas queixas não foram ouvidas. O conselho de educação de Takamatsu nega a ocorrência de bullying.

Nenhum comentário:

Postar um comentário